sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Mário Sacramento, Eça de Queirós, Uma estética da ironia


           Ontem, a caminho da praia, de forma inesperada, os meus olhos deparam-se com este livro. Um estudo de Mário de Sacramento sobre o uso da ironia por Eça ao longo da sua carreira, começando nos arquivos nos jornais e terminando com as grandes obras literárias que nos deixou. Como há uns anos se disse de José Vitorino Pina Martins na exposição que a Fundação Calouste Gulbenkian lhe dedicou “Os objectos procuram aqueles que os amam”. 

Sem comentários:

Enviar um comentário